anuncie-aqibaner_guia
 personal-info

Tempo

RSS

Cianorte News Cianorte News

Assine nossa Newsletter

Nome:

Email:



SEU DENTE DÓI COM ÁGUA GELADA?
Escrito por Cianorte News   
Após a era da prevenção em odontologia, que por sinal ainda continua e deve ser entendida como a melhor forma de ter dentes saudáveis, passamos a viver o momento voltado para a estética. Contudo, não é raro encontrarmos pacientes que ainda sofrem com dores de dente. 
A dor de dente mais comum decorre de uma lesão, em geral a cárie, que afeta o nervo do dente, tecnicamente chamado de polpa dentária. Como essa estrutura entra por um forame minúsculo, o sangue que penetra no dente tem que retornar pelas veias.  O comprometimento desse retorno por causa do volume dos vasos provoca compressão nas terminações nervosas e dor latejante. A sensação é que há um coração dentro de dente e está pulsando.
Basicamente e de forma resumida, podemos citar duas situações em que há dor quando o dente entra em contato com algo gelado. A primeira é quando o dente está saudável e a substância é muito gelada, e a outra quando existe algum tipo de patologia, como a cárie, a retração gengival, etc. 
Quando o dente está íntegro, sentimos dor apenas quando nossos dentes entram em contato com algo muito gelado, já que o próprio esmalte é um isolante térmico eficiente para as diferenças de temperaturas. 
A dor que sentimos é quando a substancia gelada atinge a polpa do dente, onde estão as terminações nervosas. Isso acontece para protegê-lo, para nos avisar que aquela situação não é adequada.  
A dor pode aparecer também quando ocorre a retração gengival, uma situação relativamente comum, que verificamos no dia a dia da clínica. Quando ocorre a retração gengival, a gengiva se afasta e a parte que começa a aparecer é a raiz do dente que não tem a cobertura de esmalte. Sem essa proteção do esmalte, e com estímulos como frio, calor, ácido e açúcar provocam a dor.
Os motivos da retração gengival pode ser escovação muito forte, trauma oclusal (situação em que os dentes não tem um bom encaixe), uso de escova com cerdas muito duras, força excessiva em tratamento ortodôntico e bruxismo.
A dor com o gelado também pode ocorrer quando há cárie, e as bactérias destroem o esmalte. Se a cárie estiver mais profunda, pode atingir a dentina e até a polpa dental, tendo acesso direto às terminações nervosas Nessa situação, o contato com substâncias geladas, quentes ou doces vão causar dor.
Colaboração: Dr. Wagner Destéfano
Cirurgião Dentista - CRO 10637
 
More articles :

» UHelp prepara seu próximo ciclo de votação

Ainda divulgando os cases atuais, que estão no site até janeiro, a UHELP está em fase de visitas domiciliares para selecionar quem vai fazer parte do próximo ciclo de histórias em 2015. A UHELP já está em fase de visitação dos novos...

» Presidente da OAB-PR participa de evento em Cianorte

A Sub-Seção da OAB-PR em Cianorte, que reúne 329 advogados de 11 municípios da região, realizou cerimônia nesta manhã de quarta-feira, em sua sede. Do evento participaram o presidente estadual da Ordem, advogado Juliano José Breda e pelo...

» Região Noroeste escolheu seus representantes para o Festival Sesi Música 2013

Seleção regional aconteceu em Cianorte e escolheu quatro trabalhadoresQuatro vozes foram reconhecidas e selecionadas como representantes para a região Noroeste do Estado no Festival Sesi Música 2013, no último sábado, dia 22. O evento, que...

» Gol capota após acidente na PR 323

Um acidente envolvendo dois carros provocou um capotamento na manhã desta terça-feira (25). O acidente ocorreu  por volta das 07 horas, na rodovia PR-323, no trecho entre Cianorte e Jussara, próximo ao posto São Jorge. Segundo a Polícia...

» Veículo de Cianorte se envolve em acidente em Apucarana

Uma caminhonete S-10 com placas de Cianorte acabou se envolvendo em um acidente na Avenida Minas Gerais (trecho urbano da BR-369) em Apucarana, no inicío da tarde desta terça-feira (25). Segundo as informações, um motociclista acabou ficando...

Publicidade

verbus

Anúncios Google